Sua sessão está sendo encerrada

A Porto Seguro tem como compromisso buscar novas formas de contribuir com a preservação do meio ambiente e promover a conscientização da sociedade para a sustentabilidade. O desenvolvimento de novos produtos e serviços tem esses compromissos como foco principal, trazendo inovação para nossos negócios. Alinhada a esse pensamento, foi criada a Frota Elétrica Porto Seguro, que busca contribuir com a melhoria da mobilidade urbana e a redução das emissões de gases tóxicos na atmosfera.

Carro elétrico

Desde 2017, os prestadores de serviço da Porto Seguro utilizam veículos 100% elétricos para realizar atendimentos na cidade de São Paulo. Essa categoria de carro possui até 100 km de autonomia e pode ser recarregada em qualquer tomada convencional de 110V. Além disso, os carros não emitem gases de efeito estufa em seu deslocamento e ocupam 3x menos espaço que um veículo comum. Dessa forma, ajudam a minimizar os impactos no meio ambiente e contribuem com a mobilidade urbana da cidade. Projetado com materiais renováveis para facilitar a desmontagem, o carro elétrico possui componentes que permitem a reciclagem, o tratamento e a destinação correta de todos os resíduos.

Bicicleta elétrica

Em 2018, a equipe da Porto Seguro passou a utilizar bicicletas elétricas para atender chamados (troca e/ou carga de bateria e troca de pneu) em São Paulo e Rio de Janeiro. A lógica de utilizar a bicicleta, que já é um meio de transporte sustentável, na versão elétrica é obter um melhor desempenho e praticidade. Dessa maneira, nossos técnicos-ciclistas continuam pedalando e contam com uma força extra apenas para subir as ladeiras. A solução tornou o deslocamento mais ágil e sustentável, melhorando o trânsito e a mobilidade urbana nesses grandes centros. Além disso, a bicicleta elétrica não utiliza nenhum combustível, o que diminui a emissão de gases que causam o efeito estufa.

Passo certo

A partir de 2016, a Porto Seguro adotou o meio de transporte público como uma das principais formas de deslocamento de alguns prestadores para atendimentos em São Paulo. Além de atender com agilidade os clientes, a iniciativa busca melhorar a mobilidade urbana utilizando a estrutura de transporte público já disponível na cidade. Os atendimentos oferecidos nessa modalidade de deslocamento são: serviços de hidráulica e elétrica, instalação de varal de teto, montagem de prateleiras, entre outros.

Recarga de veículos elétricos

Pensando no futuro da mobilidade urbana, os Centros Automotivos Porto Seguro estão disponibilizando estações de recarga para veículos elétricos ou híbridos. A recarga é gratuita para todos, clientes Porto Seguro e não segurados, que possuem carros com tomada do tipo T2. Os horários de funcionamento das estações de recarga são os mesmos das unidades em que estão instaladas: de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h; aos sábados, das 8h às 12h. O tempo de carga total depende do modelo do veículo: o tempo médio para 80% de carga é de 1h30 a 2h, e para 100% de carga, de 5h a 6h. Clientes com carros elétricos que precisam de atendimento local tem o apoio da Porto Seguro, que possui uma picape equipada para carregamento de veículos com capacidade de 9 quilowatts-hora (kWh). Uma ajuda prática para cargas emergenciais em automóveis que eventualmente apresentem uma parada por falta de energia nas baterias.

Guincho elétrico

O guincho elétrico é mais uma alternativa para minimizar os impactos ambientais, uma vez que é uma matriz energética de fonte renovável. Com autonomia para 240 km, capacidade de bateria de 97 quilowatts-hora (kWh) e recarga em até 6h, esse é o primeiro veículo elétrico usado para uma operação desse porte no Brasil. Para neutralizar as emissões do guincho leve convencional, precisaríamos de 245 árvores. Já para neutralizar as emissões do guincho elétrico, são apenas 12 árvores. Adquirido, em 2020, junto à Jac Motors, o guincho emite apenas um total de 1,80% de C02 (t) em comparação aos 41,9% de CO2 (t) de um guincho leve. Diferencial que representa uma redução de cerca de 40,1% de CO2 (t).